brasil-Iemanja.jpg

Brasil

  • Missionários Xaverianos
0
0
0
s2smodern
0
0
0
s2smodern
powered by social2s
População do Brasil: 215 milhoes - Hoje, os missionários Xaverianos estão trabahando em duas Regioes: a "Região Brasil Norte (Amazônia)" e a "Região Brasil Sul". Eis aqui uma uma breve apresentação històrica. A seguir, Nossos endereços: Comunidades de Animacão Missionària e Vocacional, Paròquias e Missoes Xaverianas.

 Região Xaveriana "Brasil Sul"

Map BrazilBrasil

Os xaverianos chegaram ao Brasil em 1953, em resposta ao apelo do Papa Pio XII que pediu às congregações missionárias padres para a América Latina.

Seu primeiro campo de trabalho foi o Norte do Paraná. Seu primeiro campo de trabalho foi o Norte do Paraná. Foi nos anos 1950...: um tempo em que as florestas são queimadas para transformá-los em vastos campos de café. As pessoas, vindas de todas as partes, buscavam naqueles lugares “novos” um futuro melhor para sí e seus filhos.

A presença dos Xaverianos significou, então, não apenas uma presença de anúncio do Evangelho, mas também uma colaboração determinante para o progresso material, econômico e social da região.

Comunidades cristãs foram formadas e, aos poucos, começaram a expressar sua maturidade com o surgir de vocações missionárias. Por conseguinte, os xaverianos abriram seminários em Jaguapitã e Londrina e, em seguida, o de Laranjeiras do Sul, Santa Mariana, Vila Diadema, Curitiba e São Paulo.

A partir do fim dos anos ’70 (1970), os xaverianos assumiram o desafio das periferias das grandes cidades onde se verificava a explosão dos conjuntos habitacionais. Depois de ter fechado algumas casas do Paraná, abriram-se ao trabalho nas periferias das cidades satélites de São Paulo, Curitiba, Belo Horizonte e Melo Viana.

Lá, eles se empenharam na formação de comunidades eclesiais de base e nas pastorais populares (pastoral dos sem-terra, dos “meninos de rua dos sem-teto).
Enquanto vivem a aventura de uma Igreja que se colocava decididamente do lado dos pobres e enriqueceram sua fé com a festiva cultura brasileira, eles oferecem à Igreja local seu carisma através da animação missionária e da formação de futuros missionários.

Hoje am dia, os xaverianos oferecem a Igreja local também seu serviço na animação missionária e na formação de jovens e novos missionários. Alguns xaverianos brasileiros já estão trabalhando em várias missões pelo mundo afora.

Centros de Animação Missionária-Vocacional e Centros de Formação, Estados de SÃO PAULO E PARANÀ:
Paróquia Xaverianas nos Estados de São Paulo, Paranà e Minas Gerais:

Região Xaveriana "Brasil Norte" - Amazônia

Map Brasil Amazonia

Em 1550, os missionários franciscanos desembarcaram na costa brasileira, ao lado dos Portuguêses na espançao liderada por Pedro Alvares Cabral.

As primeiras tentativas de evangelização destas novas terras foram praticamente anuladas pela má gestão dos proprios colonizadores.

Na segunda metade do século XVI, o Portugal tomou posse desses territórios e tentaram escravizar os índios para fazê-los trabalhar nas plantações de cana-de-açúcar.

Enquanto isso, os missionários jesuítas tinham chegado (1549), juntamente aos carmelitas, agostinianos e outras congregações.

Na região amazônica, em busca do “El Dourado”, os Espanhois e os Portuguêses, em vez de ruas “pavimentadas” com ouro, se encontraram com corpos d'água do rios sem limites; primeiro entre todos, o rio Amazonas alimentado por dezenas de afluentes. Da mesma forma, os missionarios também exercem a sua actividade apostólica ao longo dos Rios.

Em 1961, alguns padres Xaverianos deixaram a regiao do Brasil Sul, e formaram o primeiro núcleo de pessoal da Prelazia de Abaeté-Tocantins, no estado do Parà (Prelazia esta que tinha sido confiada a um Bispo Xaveriano).

Mais tarde, porém, os Xaverianos da Amazonia não ficaram apenas nesta Prelazia-Diocese confiada a eles. Mas, sensiveis às “emergencias de novas areas de evangelizaçao, inciaram a  servir a diocese de Belém e a Prelazia do Xingu e, ultimamente, na Diocese de Redençao, actuando junto à população que afluía de todos os cantos do Brasil à procura de terra e de um futuro melhor. Neste contexto particularmente conflitivo e violento, os xaverianos se colocaram decididamente do lado dos pobres, dos povos indígenas e dos sem-terra.

Até hoje, os Xaverianos estão comprometidos na formaçao de comunidades, na “pastoral da terra”, no serviço aos mais pobres e na defesa das culturas e direitos dos índios. Aqui uma evangelização passa através das realidades mais significativas da Igreja é feito: criar e incentivar as comunidades eclesiais de base, estimular o empenho dos leigos e catequistas, favorecer o uso dos meios de comunicação social... Tudo ao serviço do Evangelho.

Nossas comunidades e missoes no Estado do Parà:


A Amazônia Legal 

A Amazônia Legal é uma área que engloba nove estados brasileiros pertencentes à Bacia amazônica e a área de ocorrência das vegetações amazônicas. Com base em análises estruturais e conjunturais, o governo brasileiro, reunindo regiões de idênticos problemas econômicos, políticos e sociais, com o intuito de melhor planejar o desenvolvimento social e econômico da região amazônica, instituiu o conceito de Amazônia legal.

A atual área de abrangência da Amazônia Legal corresponde à totalidade dos estados do Acre, Amapá, Amazonas, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins e parte dos estados do Mato Grosso, Maranhão (a oeste do meridiano de 44º de longitude oeste) e Goiás, perfazendo uma superfície de aproximadamente 5.217.423 km² correspondente a cerca de 61% do território brasileiro. Sua população, entretanto, corresponde a 12,32% do total de habitantes do Brasil.

A Amazônia Legal ocupa 5.016.136,3 km2, que correspondem a cerca de 59% do território brasileiro. Nela vivem em torno de 24 milhões de pessoas, segundo o Censo 2010, distribuídas em 775 municípios, nos estados do Acre, Amapá, Amazonas, Mato Grosso, Pará, Rondônia, Roraima, Tocantins (98% da área do estado), Maranhão (79%) e Goiás (0,8%). Além de conter 20% do bioma cerrado, a região abriga todo o bioma Amazônia, o mais extenso dos biomas brasileiros, que corresponde a 1/3 das florestas tropicais úmidas do planeta, detém a mais elevada biodiversidade, o maior banco genético e 1/5 da disponibilidade mundial de água potável.

Nos nove estados da Amazônia legal residem 55,9% da população indígena brasileira, ou seja, cerca de 250 mil pessoas, segundo o Sistema de Informação da Atenção à Saúde Indígena (SIASI) em abril de 2005 da Fundação Nacional de Saúde (FUNASA); abrange 24 dos 34 distritos sanitários especiais indígenas mantidos pela FUNASA e com uma grande diversidade étnica (cerca de 80 etnias).

  • Fonte: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Missionários Xaverianos no Brasil
Copyright ©2018