Tempo Pascal

A verdadeira sabedoria

Sexta, 25 Outubro 2019 > Lc 12,54-59

Para os gregos, o tempo podia ser definido a partir de perspectivas diferentes: chronos e kayrós. O primeiro diz respeito ao tempo enquanto tirano e devorador; que nada perdoa e que a tudo e a todos devasta inexoravelmente. O segundo conceito, sem mascarar o fluir...

Novena de Pentecostes - 9 Dia

Sábado, 08 Junho 2019 > Jo 20,19-23

O Espírito Santo é força divina e dom. Ele está no início de todas as caminhadas que geram vida. Crer no Espírito Santo significa crer no Senhor que dá a vida (Credo de Constantinopla I, 381). Ele é aquele “Espírito de Deus” que no princípio do tempo...

Novena de Pentecostes - 8 Dia

Sexta, 07 Junho 2019 > Jo 16,7-13

Neste oitavo dia de nossa novena, propomos uma reflexão orante do patriarca Atenágora da Igreja ortodoxa: "Sem o Espírito Santo: Deus está longe, o Cristo permanece no passado, o Evangelho é letra morta,  aIgreja é uma simples...

Novena de Pentecostes - 7 Dia

Quinta, 06 Junho 2019 > Mt 5,43-48

O dom do Temor de Deus nada tem a vem com medo, distância ou castigo, ao contrário, este nos torna conscientes da grandeza de Deus: Ele é bom, mas Ele também é forte e poderoso. Respeito e obediência são devidos a Ele como resposta do nosso amor ao seu...

Novena de Pentecostes - 6 Dia

Quarta, 05 Junho 2019 > Lc 10,26-28

Hoje, invocamos o dom da Ciência. Esse dom também pode ser expresso pelo termo "conhecimento", que na Bíblia também significa "amar". Aqueles que amam, entendem melhor, entendem primeiro, entendem mais. O dom da ciência nos ensina a amar uma pessoa se...

Novena de Pentecostes - 4 Dia

Segunda, 03 Junho 2019 > Lc 24,46-49

Hoje invocamos o dom da fortaleza, é o dom da coragem, constância e tenacidade. Um escritor dos primeiros séculos do Cristianismo comparou o Espírito Santo a um treinador e, um bom treinador, faz o atleta se movimentar; se mexer. Eis o Espírito Santo: divino...

Novena de Pentecostes - 3 Dia

Domingo, 02 Junho 2019 > Mt 10,20-21.26-27

Hoje suplicamos pelo dom do Conselho. Este dom nos ajuda a descobrir o projeto de amor que Deus tem para nós e o caminho certo para alcançá-lo. Este dom age em nós de duas maneiras: faz de nos conselheiros para os outros, em particular, tornando-nos capazes de...

Novena de Pentecostes - 1 Dia

Sexta, 31 Mai 2019 > Lc 7, 31-35

Hoje invocamos do dom da Sabedoria. A palavra sabedoria não significa propriamente conhecimento, muito menos ciência ou inteligência; referindo-se ao verbo latino "sapere" este alude ao gosto das coisas, "sapio" = é gosto, ou "sabedoria" é sinônimo de gosto,...

A alegria do reencontro

Quinta, 30 Mai 2019 > Jo 16,16-20

Hoje vimos no Evangelho que os discípulos ao escutaram Jesus falar que pouco tempo já não o viriam, e em outro momento que Jesus iria pra junto do Pai. Ficaram confusos e aflitos sem saber o que compreenderam que Jesus falava da sua Paixão, Morte e...

O Guia

Quarta, 29 Mai 2019 > Jo 16,12-155

 “Rogarei ao meu Pai e ele já de enviar-vós um outro Paráclito, que há de permanecer eternamente conosco.” Na reflexão de hoje deixemo-nos guiar pelo Espírito Santo para que ele conduza as veracidades de nossas ações e nos faça compreender sua...

O essencial é invisível aos olhos

Terça, 28 Mai 2019 > Jo 16,5-11

“É bom para vós que eu vá”. O Evangelho desta terça-feira, nos apresenta a realidade da Ascensão do Senhor cada vez mais próxima de acontecer. Jesus ao revelar para seus discípulos que chegara a hora do filho do homem dede unir- a Deus, depara-se com...

Alzheimer espiritual

Segunda, 27 Mai 2019 > Jo 15,26–16,4a

O Evangelho de hoje nos traz uma reflexão sobre nossas ações no cenário atual, tendo em vista que vivemos em um mundo marcado por coisas negativas e, como cristãos, devemos ser anunciadores da ação transformadora de Jesus. O Espírito prometido pelo Mestre...

Paz: do jeito Dele

Domingo, 26 Mai 2019 > Jo 14,23-29

“Quem me ama realmente guardará minha palavra, o meu Pai o amará, e a ele nós viremos.” Aplicando esse Evangelho para para nosso cotidiano, poderíamos dizer que nossas ações diárias devem ser sustentadas a partir das palavras de amor vindas do Pai....

Amor exigente

Sexta, 24 Mai 2019 > Jo 15, 12-17

Amar a Deus e ao próximo é o centro da vida cristã, a novidade do Cristianismo. Mas como é difícil, quando é desafiador amar os antipáticos, os que nos feriram, os inimigos. Por esta razão é que há um mandamento do amor. Um amor que supera a emoção, um...

Encontro de amizade

Quinta, 23 Mai 2019 > Ev Jo 15, 9-11

´Permanecei no meu amor.´ Permanecer é sinônimo de ficar, estar, habitar. Permanecer é igual a relação, comunhão e intimidade. Eis o desejo do Senhor: ser minha companhia, meu amigo, meu familiar. Além do mais, permanecer N´Ele é sinônimo de...

Sou de paz!

Terça, 21 Mai 2019 > Jo 14, 27-31a

A paz que o mundo dá é o intervalo entre duas guerras, um intervalo que dura enquanto o vencedor se impõe e o vencido não consegue revoltar-se. A paz de Jesus é um coração amado e perdoado, é a vida em Deus, é viver segundo a vontade de Deus. A "pax...

De amor vive o coração

Segunda, 20 Mai 2019 > Jo 14, 21-26

Amar é muito mais que um sentimento. Amar é um ato da vontade, da liberdade e da inteligência. Amar a Deus é fazer, de alma e coração, a sua vontade, ou seja, buscar constantemente as divinas inspirações. Uma vontade que nem sempre coincide com os teus...

Como eu... assim vós

Domingo, 19 Mai 2019 > Jo 13,31-33a.34-35

A novidade chama a atenção: quando um produto se apresenta no mercado como novo, as pessoas ficam curiosas para poder conhecer e adquirir. Quando aparecem personagens novos, como por exemplo, um lider religioso ou político, as pessoas se interessam por elas e...

Caminho, Verdade e Vida

Sexta, 17 Mai 2019 > Jo 14,1-6

Eu sou o caminho: a fé cristã é estrada a ser percorrida sobre o signo da liberdade e não fórmula mágica e pré confeccionada. Eu sou a verdade: Jesus não afirma ter a verdade, mas ser a verdade. A verdade não consiste em coisas para saber ou ter apenas,...

Revolução Jesus

Quinta, 16 Mai 2019 > Jo 13,16-20

Os discípulos na pessoa de Pedro, relutavam em aceitar que o Mestre Jesus lhes lavasse os pés. Este gesto foi interpretado como uma quebra de hierarquia e esvaziamento da autoridade. É que eles pensavam a sociedade organizada em camadas sociais, sobrepostas...