Converta-se

Quinta, 07 Novembro 2019

Tempo Comum

Lc 15, 1-10

Em escuta do espírito

“Os confins da terra puderam ver a salvação do nosso Deus”. Estas palavras do salmista refletem a sua alegria pelas obras de Deus em favor do povo de Israel. Hoje, podes dar um sentido mais amplo a estas palavras, olhando o mundo como lugar onde acontece a salvação oferecida por Deus a todos os povos. Pede ao Senhor que cresça em ti o desejo de acolher a sua salvação e a disponibilidade para anunciar com alegria as suas obras de bondade e amor. E começa assim a tua oração.

Em escuta da Palavra

Naquele tempo, os publicanos e pecadores aproximaram-se de Jesus para o escutar. Os fariseus, porém, e os mestres da Lei criticavam Jesus. “Este homem acolhe os pecadores e faz refeição com eles”.Então Jesus contou-lhes esta parábola: “Se um de vós tem cem ovelhas e perde uma, não deixa as noventa e nove no deserto, e vai atrás daquela que se perdeu, até encontrá-la? Quando a encontra, coloca-a nos ombros com alegria, e, chegando a casa, reúne os amigos e vizinhos, e diz: ‘Alegrai-vos comigo! Encontrei a minha ovelha que estava perdida!’ Eu vos digo: Assim haverá no céu mais alegria por um só pecador que se converte, do que por noventa e nove justos que não precisam de conversão. E se uma mulher tem dez moedas de prata e perde uma, não acende uma lâmpada, varre a casa e a procura cuidadosamente, até encontrá-la? Quando a encontra, reúne as amigas e vizinhas, e diz: ‘Alegrai-vos comigo! Encontrei a moeda que tinha perdido!’ Por isso, eu vos digo, haverá alegria entre os anjos de Deus por um só pecador que se converte”.

Comentário

Eis o coração do Evangelho de Lucas, que revela o coração de Deus. Deus ama com coração de amante, ao ponto de cometer a loucura de deixar noventa e nove ovelhas para ir ao encontro da ovelha perdida. Um Deus assim é confiável. Um Deus assim é amável. Os publicanos e pecadores aproximavam-se de Jesus. Porquê? Não será porque Jesus, em vez de repreender e punir, acolhe, dialoga, presta todo o tipo de atenção e carinho? E tu, como acolhes os irmãos e irmãs que, depois de tantos anos de afastamento, se aproximam da Igreja e dos sacramentos?

Juventude Missionária Xaveriana

Vídeo e áudio