JM: PRIMEIRA MISSÃO ESTADUAL NO PARÁ

0
0
0
s2smodern
0
0
0
s2smodern
powered by social2s

Movidos pelo Mês Missionário Extraordinário (MME), que acontecerá em outubro deste ano na Igreja como um todo, que tem como objetivo despertar a consciência da missão ad gentes, por meio da experiência, animação e carisma dos batizados. A Juventude Missionária (JM) do estado do Pará realizou nos dias 30 de Julho a 04 de Agosto, a sua primeira missão Estadual que ocorreu na diocese de Marabá, na paróquia Nossa Senhora das Graças, na qual reuniu representantes dos grupos de Juventude Missionária das dioceses onde esta se faz presente, contando com  a presença de padres, religiosas, leigos e um seminarista da diocese, todos movidos e impulsionados pela missão.

caminhando 2

 

A experiência já vinha sendo pensada pelos grupos, mas era preciso acontecer em uma local em que os jovens pudessem ter uma experiência marcante e que proporcionasse  o sair de suas realidades e conhecer outras desconhecidas, para que assim os jovens pudessem agregar em si cada vez mais a importância da missão Ad Gentes.

Chegado o dia, a acolhida nesse território aconteceu de forma alegre e contagiante pelo grupo que recebeu a missão, tendo um momento de conhecimento da história da cidade aos jovens de fora, realizado pela equipe organizadora, em seguida celebrou-se a Santa Missa presidida pelo Pe. Badacer Neto, secretário da obra Propagação da Fé no Brasil, ligado as Pontifícias Obras Missionárias ( POM), sendo concelebrada pelo Pe. Paolo Andreolli ,missionário xaveriano representante do COMIRE e do Pe. Domingos Cruz, pároco da paróquia local.

No local do encontro tiveram diversos e variados momentos que puderam desfrutar de entrosamento e formação mais propícios, pode-se citar a leitura e meditação da Palavra de Deus, da meditação sobre missão e espiritualidade, integração dos grupos por meio das danças circulares, orações e animações, entre outros momentos mais. 

De Curionópolis os missionários foram divididos em duas equipes, sendo que uma ficou na cidade visitando os bairros da Paz, Jardim Panorama, Miguel Chamon, Bandeirantes, Centro e o assentamento Frei Henri e a outra equipe foi para a zona rural, encaminhados para Serra Pelada, Alto Bonito, Vila Rica e Curral Preto. 

Foi uma valiosa experiência que envolveu crianças, adolescentes, famílias e  comunidades, todos em torno da missão e da necessidade da consciência missionária da Igreja. Dentre isso, foram marcantes as visitas nas famílias, pois os  missionários perceberam os desafios sociais, econômicos, religiosos que o povo visitado enfrenta no seu dia cotidiano e passaram a ter uma expectativa por outro ponto de vista do que o seu próprio. Como bem testemunha um dos jovens que participou das visitas: "Venho agradecer a Deus pelo Dom da vida e que oportunizou-me à esta missão, agradeço a congregação dos missionários xaverianos que nos possibilita à uma experiência mais profunda...".Diz o jovem.

A missão encerrou-se com a Santa Missa em ação de graças na Igreja Matriz da Paróquia que recebeu a missão, em Curionópolis, presidida pelo Dom Vital Corbelini, bispo da diocese de Marabá-Pá, acontecendo na mesma o envio dos missionários para suas localidades, com o compromisso de agir evangelicamente sobre suas realidades, rumo a uma Igreja que ama e valoriza as outras culturas cada vez mais, construindo uma sociedade de verdadeiros irmãos e uma só família.

De Curionópolis os missionários foram divididos em duas equipes, sendo que uma ficou na cidade visitando os bairros da Paz, Jardim Panorama, Miguel Chamon, Bandeirantes, Centro e o assentamento Frei Henri e a outra equipe foi para a zona rural, encaminhados para Serra Pelada, Alto Bonito, Vila Rica e Curral Preto. 

Foi uma valiosa experiência que envolveu crianças, adolescentes, famílias e  comunidades, todos em torno da missão e da necessidade da consciência missionária da Igreja. Dentre isso, foram marcantes as visitas nas famílias, pois os  missionários perceberam os desafios sociais, econômicos, religiosos que o povo visitado enfrenta no seu dia cotidiano e passaram a ter uma expectativa por outro ponto de vista do que o seu próprio. Como bem testemunha um dos jovens que participou das visitas: "Venho agradecer a Deus pelo Dom da vida e que oportunizou-me à esta missão, agradeço a congregação dos missionários xaverianos que nos possibilita à uma experiencia mais profunda...".

A missão encerrou-se com a Santa Missa em ação de graças na Igreja Matriz da Paróquia que recebeu a missão, em Curionópolis, presidida pelo Dom Vital Corbelini, bispo da diocese de Marabá-Pá, acontecendo na mesma o envio dos missionários para suas localidades, com o compromisso de agir evangelicamente sobre suas realidades, rumo a uma Igreja que ama e valoriza as outras culturas cada vez mais, construindo uma sociedade de verdadeiros irmãos e uma só família.

(João - JM Abaetetuba) 
caminhando paolo sx