Congresso Vocacional Diocesano

  • Marco Túlio Bones
  • Novidades
0
0
0
s2smodern
0
0
0
s2smodern
powered by social2s

DIOCESE ITABIRA – FABRICIANO * Nos dias 17, 18 e 19, aconteceu, no Recanto das Mangueiras, Coronel Fabriciano, o Congresso Vocacional Diocesano.

Com o tema “As vocações sacerdotais e consagradas: no coração da diocese” e o lema “Dar-vos-ei pastores segundo o meu coração” (Jr 3,15) teve como objetivo  formar e animar agentes para a pastoral vocacional em suas paróquias e comunidades, para assumirem a prioridade diocesana de suscitar vocações sacerdotais e consagradas.

Na noite de sexta-feira, Padre Elinei – assessor diocesano da PV-SAV (pastoral vocacional e serviço de animação vocacional) – presidiu a Santa Missa de abertura do congresso, que foi concelebrada pelos padres Ronaldo Torre, Gabriel e Ariel (assessor do congresso). Em sua homilia, destacou a importância de se realizar este encontro na diocese e disse, também, que estava muito feliz por ver a participação dos seminaristas do propedêutico e do primeiro ano de filosofia, jovens e representantes das diversas paróquias.

Na manhã do sábado, receberam a visita de Dom Odilon Guimarães, bispo emérito, que acolheu a todos carinhosamente e disse sobre a importância de se investir nesta pastoral. À tarde, padre Aloísio Vieira, vigário geral, em nome de Dom Marco Aurélio, expressou sua acolhida e agradecimento a todos pela disponibilidade de participar do congresso. Destacou que há muito a ser feito e que confia na responsabilidade e empenho de cada um que ali estava. Pediu-lhes que não desistissem diante das adversidades do caminho, mas que pedissem força ao Espírito Santo para conduzi-los em todas as dificuldades.

O assessor do congresso, padre Ariel, trabalhou com as seguintes perguntas: Onde estamos? Onde precisamos estar? Como vamos agir? O que vamos fazer?

Em suas palestras, orientou os congressistas a como respondê-las, para que à luz da caminhada feita, pudessem aprofundar a identidade da PV-SAV e iluminar a realidade que se vive, para que, assim, definissem qual caminho a percorrer para a realização das prioridades diocesanas.

Após cada palestra, os congressistas reuniam-se em grupos para conversarem sobre a realidade diocesana e apresentar propostas de melhoria e de trabalhos. No final do congresso, elaboraram um documento que, em breve, será divulgado para o conhecimento de todos.

Durante a noite do sábado, aconteceu uma noite cultural, na qual cada grupo fez uma apresentação. Pela manhã de domingo, concluíram todas as atividades e encerraram o congresso com a Santa Missa, presidida pelo padre Ariel e concelebrada pelos padres Elinei e Gabriel. Após a Missa, almoçaram juntos, em sinal de comunhão e confraternização.


  • Fonte: Seminário Diocesano São José.
  • Texto e fotografia: Marco Túlio Bones.