JMX - Encontro Março

0
0
0
s2smodern
0
0
0
s2smodern
powered by social2s

SONHAR UM MUNDO NOVO - POLÍTICAS PÚBLICAS  (by Jovens de Coronel Fabriciano - MG)

Oração inicial

Preparar o ambiente com uma cruz, tendo seus braços envolvida por uma pano roxo, lembrando o tempo da Quaresma e ao lado dela o livro das Escrituras Sagradas, uma vela e o cartaz da Campanha da Fraternidade 2019. Pode-se também enriquecer o ambiente decorativo segundo a criatividade do grupo.

Senhor Pai Misericordioso, vós que amais tanto os vossos filhos , dai sabedoria e discernimento aos nossos governantes, para conduzir bem as necessidades do vosso povo aqui na terra . Iluminai-nos com a luz do Espírito Santo e guia-nos na luta da defesa dos nossos direitos fundamentais . Por Cristo Nosso Senhor ; Amém!

Canto: (https://www.youtube.com/watch?v=YwqoeKlaJQs)

Oooooooooh! Oooi! / Vocês que fazem parte dessa massa / Que passa nos projetos do futuro / É duro tanto ter que caminhar / E dar muito mais do que receber... / E ter que demonstrar sua coragem / À margem do que possa parecer / E ver que toda essa engrenagem / Já sente a ferrugem lhe comer... /

Êeeeeh! Oh! Oh! / Vida de gado, Povo marcado, Êh!  / Povo feliz! 

Lá fora faz um tempo confortável / A vigilância cuida do normal / Os automóveis ouvem a notícia / Os homens a publicam no jornal... / E correm através da madrugada / A única velhice que chegou / Demoram-se na beira da estrada / E passam a contar o que sobrou...

 Êeeeeh! Oh! Oh! / Vida de gado, Povo marcado, Êh!  / Povo feliz! 

O povo foge da ignorância / Apesar de viver tão perto dela / E sonham com melhores tempos idos / Contemplam essa vida numa cela... / Esperam nova possibilidade / De verem esse mundo se acabar / A Arca de Noé, o dirigível / Não voam nem se pode flutuar (3x) /

Êeeeeh! Oh! Oh! / Vida de gado, Povo marcado, Êh!  / Povo feliz!

2. Introdução ao tema

A Campanha da Fraternidade é realizada anualmente pela Igreja Católica Apostólica Romana no Brasil, no período da Quaresma. Tendo como objetivo despertar a solidariedade dos fiéis e da sociedade brasileira, buscando caminhos de solução. A cada ano são escolhidos um tema e um lema, que explicita em que direção se busca transformação. A Campanha da Fraternidade 2019, traz como tema: "Fraternidade e Políticas Públicas" e o lema: "Serás libertado pelo direito e pela justiça" (Is 1,27).

3. Dinâmica de internalização

Para a dinâmica, você vai precisar confeccionar plaquinhas, sendo duas para cada integrante do grupo, contendo em uma delas a palavra POLÍTICA, e em outra POLÍTICAS PÚBLICAS. A pessoa que estiver conduzindo a dinâmica, vai pegar uma lista de palavras, dizer uma por uma, perguntando para os integrantes o que pensam que pode ser essa palavra, se é Política ou Política Pública. Os integrantes vão levantar a plaquinha e o condutor vai responder quem está certo e quem está errado.

Sugestões de palavras: Política: Reforma da Previdência, Eleição, Reforma Agrária, Plebiscito, Iniciativa Popular. / Política Pública: Minha Casa Minha Vida, FIES, Bolsa Família, SUS, Previdência Social.

4. Desenvolvendo o tema

Antes de abordar Políticas Públicas é bom reforçar aquilo que já foi dito pelo Papa Paulo VI, atualizado pelo Papa Francisco e que está bem expresso na Doutrina Social da Igreja: “a política é a melhor forma de fazer caridade”. Pois é somente através da política que se universalizam os bens, os serviços e que se promove a equidade. Por isso, das nossas decisões políticas depende o futuro de milhões de pessoas que terão acesso ou não à condições dignas de vida.

A partir da dinâmica feita, pudemos perceber que existe uma diferença entre política e políticas públicas. De quatro em quatro anos escolhemos pessoas para administrar nossa cidade e zelar pelo bem comum. Designamos indivíduos que respondem e decidem sobre nossa vida social e desempenham um cargo político.

As Políticas Públicas, por sua vez, abarcam todos os entes que compõem uma sociedade, permitindo assim um maior controle e participação; são um direito da cidadania e servem para garantir os direitos fundamentais à saúde, educação, moradia, trabalho, cultura, lazer, acesso às tecnologias, preservação do meio ambiente, entre outros. E falar de Políticas Públicas é justamente falar de uma forma de ação do Estado, desde a elaboração, execução, participação popular até a avaliação, num percurso que dificulta a corrupção e a politicagem, além de permitir que se chegue a resultados concretos e que mudam a vida das pessoas. É diferente de serviços públicos, pois estes são a tarefa diária das administrações públicas na manutenção de serviços sanitários, saneamento, pavimentação, transportes, escolas, etc.

As Políticas Públicas tem em vista garantir a eficiência dos investimentos na resolução de problemas sociais e coletivos, superando o debate político tão somente ideológico e pouco atento aos efeitos e às consequências reais da realização ou não das ações do Estado em favor da população.

A execução das políticas públicas é tão importante para o bom funcionamento da sociedade que, desde 1989, existe a carreira de especialista em políticas públicas. De acordo com a lei que criou esse cargo, o especialista em políticas públicas é o profissional especializado na formulação, planejamento e avaliação de resultados de políticas públicas. Tratar deste tema na Campanha da Fraternidade é algo de grande valia e uma salutar oportunidade. Assistimos hoje a uma grande desafeição pela politica devido a escândalos e promessas quase nunca cumpridas. As políticas públicas nos ajudam a despartidarizar tal esfera e, também, destronar certos monopólios de participam social delegados a outrem. O bem comum é coisa nossa! Desinteresse e apatia neste âmbito é sinônimo de omissão, como podemos ver através do poema, No caminho:

Na primeira noite eles se aproximam e roubam uma flor do nosso jardim. E não dizemos nada. Na segunda noite, já não se escondem: pisam as flores, matam nosso cão, e não dizemos nada. Até que um dia, o mais frágil deles entra sozinho em nossa casa, rouba-nos a luz, e, conhecendo nosso medo, arranca-nos a voz da garganta. E já não podemos dizer nada.

5. Em Escuta da Palavra

A Palavra de Deus ilumina a vida. Ela nos compromete na edificação dos novos céus e da nova terra, onde todos tenha vida. Políticas públicas, para nós cristãos, é questão de amar!

Enquanto se canta, a Bíblia vai sendo passada de mão em mão e depois proclamada.

Canto: (https://www.youtube.com/watch?v=vYX55LKCifc)

Tua palavra é lâmpada para meus pés Senhor, / lâmpada para meus pés, Senhor, luz para o meu caminho, / lâmpada para meus pés, Senhor , luz para o meu caminho.

Leitura Bíblica - Mateus 25, 31-40

Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: «Quando o Filho do homem vier na sua glória com todos os seus Anjos, sentar-Se-á no seu trono glorioso. Todas as nações se reunirão na sua presença, e Ele separará uns dos outros, como o pastor separa as ovelhas dos cabritos; e colocará as ovelhas à sua direita e os cabritos à sua esquerda. Então o Rei dirá aos que estiverem à sua direita: ‘Vinde, benditos de meu Pai; recebei como herança o reino que vos está preparado desde a criação do mundo. Porque tive fome e destes-Me de comer; tive sede e destes-Me de beber; era peregrino e Me recolhestes; não tinha roupa e Me vestistes; estive doente e viestes visitar-Me; estava na prisão e fostes ver-Me’. Então os justos Lhe dirão: ‘Senhor, quando é que Te vimos com fome e Te demos de comer, ou com sede e Te demos de beber? Quando é que Te vimos peregrino e Te recolhemos, ou sem roupa e Te vestimos? Quando é que Te vimos doente ou na prisão e Te fomos ver?’. E o Rei lhes responderá: ‘Em verdade vos digo: Quantas vezes o fizestes a um dos meus irmãos mais pequeninos, a Mim o fizestes.’

Para o cristão, as Políticas Públicas são como as obras de misericórdia que recordam que a nossa fé deve se traduzir todos os dias em gestos concretos em favor do próximo. “As obras misericordiosas são comunhão, solidariedade, caridade, fraternidade, proximidade, samaritanidade. Elas são fonte inesgotável de transformação e identificação com Cristo. Um verdadeiro caminho de libertação e de consumação da vida cristã.”

6. Partilha

A fim de fortalecer o aprendizado sobre o tema do encontro, vamos compreender, a partir dos vários pontos de vistas do grupo, algumas questões relacionadas ao assunto. Qual a visão construída da política a partir do que foi apresentado durante o encontro? É possível suscitar uma nova política em nosso país a partir da reeducação da população sobre seus direitos políticos? Com base nas discussões suscitadas pela leitura do poema, peça aos jovens que criem pequenos textos ou slogans expressando suas convicções ou críticas sociais, iluminados também pela Palavra de Deus escutada. Se eles preferirem, podem realizar a atividade usando as artes visuais ou a música para se expressar.

7. Gesto Concreto

Pesquisar no município em que vive a garantia ou a carência de um direito social fundamental, previsto na Constituição, a partir de Políticas Públicas da sua cidade. Feito isso, procurar qual a possibilidade de contribuição do grupo para ajudar a resolver a carência que houver, e se possível, conversar com o pároco para elaborar uma ação de visita às escolas no intuito de trabalhar o tema das políticas públicas com os jovens estudantes

8. Oração Conclusiva

Oração da CF 2019

Pai misericordioso e compassivo, que governais o mundo com justiça e amor, dai-nos um coração sábio para reconhecer a presença do vosso Reino entre nós. Em sua grande misericórdia, Jesus, o Filho amado, habitando entre nós testemunhou o vosso infinito amor e anunciou o Evangelho da fraternidade e da paz. Seu exemplo nos ensine a acolher os pobres e marginalizados, nossos irmãos e irmãs com políticas públicas justas, e sejamos construtores de uma sociedade humana e solidária. O Divino Espírito acenda em nossa Igreja a caridade sincera e o amor fraterno; a honestidade e o direito resplandeçam em nossa sociedade e sejamos verdadeiros cidadãos do “novo céu e da nova terra”.

Canto: (https://www.youtube.com/watch?v=skDXZiiqJyo)

Hino da CF 2019

Eis que o Senhor / Fez conhecer a salvação / E revelou sua justiça / Às nações / Que, neste tempo quaresmal / Nossa oração / Transforme a vida / Nossos atos / E ações.

Pelo direito / E a justiça libertados / Povos, nações / De tantas raças e culturas. / Por tua graça, / Ó Senhor, ressuscitados / Somos em cristo, / Hoje, novas criaturas / Somos em cristo, / Hoje, novas criaturas.

Foi no deserto / Que Jesus nos ensinou / A superar toda ganância / E tentação / Arrependei-vos / Eis que o tempo / Já chegou / Tempo de paz, justiça / E reconciliação.