Canonização de Madre Teresa de Calcutá

0
0
0
s2smodern
0
0
0
s2smodern
powered by social2s

A canonização acontece no dia 4 de setembro: Karen Vaswani nee D'Lima, católica da periferia de Mumbai, realizou o logotipo oficial. Há mais de vinte anos trabalha como designer, é casada e tem uma filha adolescente de nome Kimaya, que em sânscrito significa «divina».

Apesar de nunca se ter encontrado pessoalmente com madre Teresa, explicou sem esconder o seu entusiasmo, que «a arquidiocese de Calcutá pediu-me para desenhar o logótipo para as celebrações na Índia.

A Ir. Mary Prema, superiora-geral das missionárias da caridade, e o padre Brian Kolodiejchuk, postulador, gostaram e decidiram adotá-lo também para a utilização internacional». Ela trabalhou três dias no logotipo.

A mensagem do logotipo é «ser portador do amor terno e misericordioso de Deus». Assim, decidiu «trabalhar sobre uma postura clássica de madre Teresa», representada enquanto «carrega com ternura uma criança no colo». Um trabalho realizado com «um estilo muito simples de gráfica e só a duas cores», de modo a facilitar a sua utilização a todos os níveis.

A congregação das missionárias da caridade publicou o programa das iniciativas promovidas em Roma por ocasião da canonização. Entre os dias 1 e 8 de setembro terão lugar celebrações, encontros e momentos de oração. Será possível venerar as relíquias de madre Teresa na basílica de São João de Latrão e visitar o seu quarto no convento de São Gregório «al Celio».

No dia 5 de setembro, às 10h, o cardeal secretário de Estado, Pietro Parolin, celebrará a missa de ação de graças na praça de São Pedro.


Fonte: L'Osservatore Romano.